A Caçada

Por Leonardo Gorges
Acadêmico de Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina

Após surtar ao vivo em rede nacional, o prestigiado correspondente de guerra Simon Hunt (Richard Gere) é demitido de uma das maiores redes televisivas americanas e cai no ostracismo jornalístico. Depois de rodar por emissoras menores e se endividar, ele retorna à Bósnia cinco anos após o fim do conflito. Reencontrando seu antigo companheiro de coberturas, o cinegrafista Duck (Terrence Howard), ele o convence a iniciar uma busca pelo criminoso de guerra mais procurado do planeta, conhecido como “A Raposa”.

Ao lado deles está Benjamin (Jesse Eisenberg), repórter foca e filho do vice-presidente da emissora. Hunt os instiga a entrar em seu plano após contar a Duck que sabe onde a Raposa – que interpretaria Radovan Karad­zic, genocida sérvio durante o conflito nos Bálcãs – se esconde. Eles partem de Sarajevo para uma aventura pelo interior da Bósnia, com destino às montanhas de Cilibici, perto da fronteira com Montenegro, onde supostamente estaria o criminoso.

Entrando em área hostil, a equipe passa por apertos e chega a ser confundida com agentes da inteligência americana, a CIA. Investigando um assunto polêmico, onde o jogo de interesses entre nações e organizações fica evidente, eles passam a correr risco de morte, embora isso nunca antes tivesse sido empecilho para a dupla Hunt/Duck.

Uma das questões levantadas na trama de Richard Shepard (direção e roteiro) diz respeito à suposta neutralidade jornalística. Hunt decide investigar ‘A Raposa’ mais por questões pessoais do que profissionias. O genocida foi o responsável pela morte de milhares de civis muçulmanos na guerra da Bósnia. Porém foi a morte da amante do jornalista, em um ataque a uma vila, que trouxe a ira e vontade de retaliação em Hunt.

Outro ponto passível de discussão seria o de até que ponto o jornalista pode ir em sua investigação. Mesmo tendo certeza da culpa do personagem investigado, a ética jornalística impede o profissional de fazer justiça com as próprias mãos. Embora o filme seja uma mistura de ficção e realidade, essa questão se torna empírica ao final da trama, juntamente com o respeito à integridade física das fontes. Isso tudo misturado à sede pela recompensa em dinheiro oferecida a quem capturassse o criminoso.

Misturando humor negro e doses de ação e suspense, o roteiro de A Caçada (The Hunting Party, no original em inglês) prende o espectador do início ao fim. E chegou quentíssimo às telas de cinema em agosto de 2008, já que Radovan Karad­zic foi preso no dia 21 de julho daquele ano, um mês antes da estréia oficial do filme. Contrariando o velho clichê, seria a vida imitando a arte?

FICHA TÉCNICA:

Gênero: Ação
Duração:
102 min
Origem:
EUA
Ano:
2007
Estúdio:
The Weinstein Company
Distribuidora:
Europa Filmes
Direção:
Richard Shepard
Roteiro:
Richard Shepard
Produção:
Paul Hanson, Mark Johnson, Scott Kroopf
Site Oficial:
http://thehuntingpartymovie.com
Elenco
: Richard Gere, Terrence Howard, Jesse Eisenberg, Diane Kruger, James Brolin e Joy Bryant

Advertisements