Os pesquisadores do objETHOS Francisco José Karam e Aldo Antonio Schmitz analisam as relações entre as fontes de informação e os jornalistas para “apurar as responsabilidades, os conflitos, direitos, equívocos e, inclusive, as promiscuidades. Além do diálogo entre autores, confere-se nos manuais de redação e ética dos principais jornais brasileiros – Folha de S. Paulo, O Estado de S. Paulo, O Globo e Zero Hora – como tratam essa relação”.

O artigo “A ética de lado a lado: fontes de notícias e jornalistas frente a frente” saiu na revista InTexto, da UFRGS, em dezembro passado. Karam é um dos líderes do objETHOS e orientou Schmitz em sua dissertação de mestrado no PosJor, defendida no final de 2010. O texto está em nossa seção especial de artigos.

Advertisements