Luiz Antônio Araujo é jornalista  formado pela Universidade Federal de Santa Maria, e trabalha desde 1996 no jornal gaúcho Zero Hora. Na 10ª Semana de Jornalismo da UFSC, falou sobre a cobertura no Oriente Médio e, para o objETHOS, comenta sobre a possibilidade de lembrar o outro lado do mundo sem escrever sobre a guerra. Araujo cobriu a Guerra do Afeganistão em 2001 e a revolução que derrubou Hosni Mubarak do governo egípcio em 2011, além das coberturas das guerras do Iraque, em 2003, e dos conflitos na Faixa de Gaza, em 2009, como editor. Seu primeiro livro, Binladenistão, foi finalista do Prêmio Jabuti em 2010.
Ouça a entrevista:

Advertisements