Rogério Christofoletti e Samuel Lima, pesquisadores do Observatório da Ética Jornalística (objETHOS) preparam o lançamento de mais um livro: Reportagem, Pesquisa e Investigação. A obra reúne textos de jornalistas e pesquisadores brasileiros e argentinos que abordam a questão do método no jornalismo investigativo. Questões éticas, cenários e contextos, riscos profissionais e experiências acumuladas são abordados por nomes como Guillermo Mastrini, Sandra Crucianelli, Leandro Fortes, Daniela Arbex, Francisco José Castilhos Karam (pesquisador do objETHOS), Luciana Kraemer, Eduardo Meditsch, Antonio Brasil, Valci Zuculoto, Lila Luchessi, James Alberti, Mylton Severiano e Samuel Lima. O livro é um produto do 2º Seminário Brasil-Argentina de Pesquisa e Investigação em Jornalismo (Bapijor), ocorrido em abril de 2012 em Florianópolis.

Para os organizadores, o jornalismo investigativo ganha, cada vez mais, importância e papel estratégico nas sociedades contemporâneas, na medida em que se transforma num instrumento dos cidadãos para conhecer mais, para ter acesso a informações insistentemente relegadas à obscuridade. No entanto, o jornalismo investigativo precisa buscar e aprimorar métodos de obtenção de dados, sistematização de informações, embalagem e difusão.

O livro é editado pela Insular e tem lançamento programado para a sessão especial da 10ª SBPJor, que acontece em 9 de novembro às 20 horas, na PUC-PR, Curitiba.