Na próxima terça-feira, dia 3, ocorre a defesa pública da dissertação intitulada “Nossas notícias de mundo – como os webjornais Folha de S. Paulo e O Estado de S. Paulo editam os despachos de agências internacionais”, de Siliana Dalla Costa, mestranda do Programa de Pós-Graduação em Jornalismo da UFSC e pesquisadora do objETHOS. A sessão é aberta ao público e será realizada na sala Machado de Assis (407, Bloco B do CCE/UFSC), a partir das 9h. A dissertação é a décima nona orientada por professores do Observatório da Ética Jornalística (objETHOS), desde 2009.

Em seu trabalho, Siliana adentra as seções de Mundo de dois webjornais brasileiros para analisar como as notícias internacionais despachadas por agências são reproduzidas no jornalismo online brasileiro. O estudo busca compreender marcas do processo de produção noticiosa e a inclinação por valores-notícia estratégicos, que acabam enaltecendo o protagonismo que esses agentes midiáticos hegemônicos desempenham diante da notícia internacional.

A dissertação é orientada pelo professor Rogério Christofoletti e a banca de avaliação é composta pelos professores Maria José Baldessar (Programa de Engenharia do Conhecimento – EGC/UFSC), Gislene Silva e Antônio Brasil (ambos do PPGJor/UFSC). Os suplentes são os professores Marcos Emilio Santuário (Feevale) e Jorge Ijuim (PPGJor/UFSC).

Anúncios